Resenha: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares




  Título: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares
  Autor: Ranson Riggs
  Editora: Leya
  Ano: 2012
  Páginas: 332
  Esmeraldas: 5



"Eu tinha acabado de aceitar que a minha vida seria apenas comum quando coisas extraordinárias começaram a acontecer comigo. A primeira delas foi um choque terrível e, assim como qualquer coisa que muda você para sempre, dividiu minha vida em duas partes. Antes e Depois. Como muitas das coisas extraordinárias que viriam ela envolveu o meu avô, Abraham Portman."

"Tudo está à espera para ser descoberto em O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Nossa história começa com uma horrível tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo, por mais impossível que pareça, ainda podem estar vivas. Uma fantasia arrepiante,  ilustrada com assombrosas fotografia de época."

Algumas fotos que estão no interior do livro.

Dividido em três livros a história das crianças peculiares é, de longe, uma das melhores que já li. Riggs conseguiu unir fantasia com realidade numa escrita fácil de ser lida e que prende completamente, deixa aquele gostinho de "quero mais" a cada parágrafo; e assim vai um capítulo - ou dois - sem notar. Este é o primeiro livro da trilogia, tem duas capas distintas na editora Leya e recentemente a editora Intrínseca anunciou que será lançado uma versão em capa dura, no dia 12 de novembro. É uma escolha bacana para quem gosta de colecionar, pois os dois livros seguintes são nesse formato. O autor selecionou fotografias reais, emprestadas de colecionadores de fotografias antigas, que remetem a algo sobrenatural, peculiar e/ou místico, que são dispersadas ao longo do livro ilustrando algumas das situações descritas, o que aguça ainda mais a curiosidade do que acontecerá a seguir, além do fato de trazer mais vida a história. O livro teve grande sucesso de público e critica, porém, veio a ficar mais conhecido em meados de 2015 quando foi anunciado uma adaptação para o cinema, dirigida por Tim Burton, cujo comentou a história como "algo que ele teria feito". O filme estreou 30 de setembro desse ano, e ainda está em cartaz. 

Embora o livro e as fotografias passem a impressão de um livro de terror, O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares está bem longe de ser uma história assustadora. Pelo contrário, é uma história realmente emocionante, comovente, e incrivelmente misteriosa. O livro começa quando Abraham Portman conta a seu neto, Jacob Portman, histórias incríveis sobre sua infância em um orfanato do País de Gales, das quais o garoto adorava e cresceu escutando. A história realmente começa após uma confissão de Abraham para Jacob, que aos 16 anos não levava mais tão a sério as histórias de seu avô sobre crianças peculiares, mas a partir daí se vê obrigado a se confrontar novamente com o passado de seu avô. Decide, então, partir para uma busca pela verdade, e é quando coisas extraordinárias começam a acontecer com ele. Os personagens são muito marcantes e cada qual em sua particularidade tem algo a acrescer a história. Asseguro que é impossível não se apaixonar por essas crianças, e tudo o que as envolve, e tal como Jacob descobriu, você também descobrirá um mundo totalmente novo se der chance a essa história incrível. A narração em primeira pessoa faz com que sintamos o que o protagonista sente em todas as suas experiências ao longo do livro. Uma história cheia de suspenses, como uma atmosfera mística, que vai desde os conflitos de um garoto adolescente em busca de si até um orfanato onde crianças peculiares vivem, dirigido pela srta. Peregrine. Aborda vida familiar e seus conflitos, romance, o sobrenatural, o valor da amizade, o que somos capazes de fazer por quem amamos... Um livro que vale realmente a pena ser lido, especialmente para quem gosta de livros com um irresistível toque de mistério. 

Então fica aí a minha dica!
Espero que se deixem envolver pelas crianças peculiares e se apaixonem como eu. Até próxima!

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.