Resenha: Simplesmente Ana


Título: Simplesmente Ana
Autor: Marina Carvalho
Editora: Novo Conceito
Selo: Novas Páginas
Ano: 2013
Páginas: 304
Esmeraldas: 4


"Imagine que você descobre que seu pai é um rei. Isso mesmo, um rei de verdade em um país no sudeste da Europa. E o rei quer levá-la com ele para assumir seu verdadeiro lugar de herdeira e futura rainha... Foi o que aconteceu com Ana. Pega de surpresa pela informação de sua origem real, Ana agora vai ter que decidir entre ficar no Brasil ou mudar-se para Krósvia e viver em um país distante tendo como companhia somente o pai, os criados e o insuportável Alex. Mudar-se para Krósvia pode ser tentador — deve ser ótimo viver em um lugar como aquele e, quem sabe, vir a tornar-se rainha —, mas ela sabe que não pode contar com o pai o tempo todo, afinal ele é um rei bastante ocupado. E sabe também que Alex, o rapaz que é praticamente seu tutor em Krósvia, não fará nenhuma gentileza para que ela se sinta melhor naquele país estrangeiro. A não ser... A não ser que Alex não seja esta pessoa tão irascível e que príncipes encantados existam. Simplesmente Ana é assim: um livro divertido, capaz de nos fazer sonhar, mas que — ao mesmo tempo — nos lembra das provas que temos que passar para chegar à vida adulta."



No final do ano passado decidi que leria em 2017 todos os livros que comprei e por muitos motivos permaneceram intactos na minha estante. Com esse pensamento comecei minha leitura anual por "Simplesmente Ana", que é de uma autora brasileira e um lindo romance. Uma curiosidade importante sobre mim é que não costumo ler romances e esse foi um dos motivos de ter colocado esse livro na minha meta de leitura, quero diversificar os gêneros literários um pouco.  

O livro narra a história de Ana, uma jovem mineira que faz faculdade de direito, foi criada pela mãe e os avós e nunca conheceu o pai. Na verdade, cresceu com a ideia de que o pai havia sumido quando soube que a mãe estava grávida, mas aparentemente esse é só um dos lados da história. Ana estava prestes a descobrir que sua vida não é tão normal quanto imaginava, quando um homem, do qual nunca havia ouvido falar, lhe envia uma mensagem no Facebook, dizendo ser seu pai. Uma rápida busca na internet mostra que Andrej Marcov não é apenas seu pai. É o rei de um país pequenininho, no sudeste europeu, Krósvia. Por muita insistência dos familiares e amigos, Ana decide embarcar para Krósvia junto de seu pai para conhecer a família que nunca viu e o país que também fazia parte dela. Apesar de todos os esforços do rei para acalmar a recém descoberta princesa de que tudo seria calmo e todos a adorariam, Ana tem medo de ser rejeitada tanto pelos súditos quando pelos parentes desconhecidos.

A família a amou, menos Alex, enteado de seu pai, que se torna uma grande pedra em seu sapato logo na primeira noite, todo desconfiado e cheio de não me toque, Ana o odiou e amou à primeira vista. Os meses no castelo passam cheios de reviravoltas e de muita dor de cabeça com Laika - Nome de Cachorro, se preferir – namorada de Alex. Ana descobre que a vida em si não é tão simples e, que apesar de todo o planejamento ninguém comanda o coração, e quando se tratava de Alexander não tinha realmente controle nenhum do que acontecia em seu coração.

“Abaixei minha cabeça e usei o cabelo para esconder o rosto, um tanto quanto figurinha carimbada na mídia nos últimos tempos. Ah, que se danesse tudo. Como a música proclamara minutos antes, aquela era minha vida e eu tinha o direito de fazer o que quisesse. Ser reconhecida não poderia ser o fim do mundo, poderia? Afinal de contas, o que fariam comigo? Arrancariam minhas roupas?”

A escrita da Marina é envolvente e de fácil compreensão, faz com que mergulhe e se veja dentro da história logo nas primeiras palavras, os personagens são um dos maiores pontos positivos do livro. Todos bem desenvolvidos e bem colocados durante toda a história, a visão da protagonista sobre cada um foi o bastante para se apaixonar ou odiar. A capa do livro é uma preciosidade, uma das capas mais lindas da minha estante!

E agora convido todos vocês para a coroação de Ana, a princesa da Krósvia! Se delicie com esse livro também e depois nos conte o que achou!

Até a próxima. 

Um comentário:

  1. Oláaaa...

    Eu simplesmente amei esse livro, não tem como não ama-lo ne? O mais engraçado é que a primeiro instante eu não gostei dele hahaha, quando bati o olho da capa pensei que seria aqueles histórias de épocas - eu normalmente gosto de histórias de época - e então quando comecei a ler, me apaixonei.
    VocÊ sabia que existe a continuação? É muito bom tbm, eu já li.
    Bjs

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.