Resenha - 13 Reasons Why, Original Netflix


Série aborda temas atuais que deveriam ser debatidos

Nova série do Netflix mal estreou e já é uma das mais assistidas e discutidas na internet. Inspirada no livro 13 Reasons Why (Os 13 Porquês) de Jay Asher publicado em 2007, o seriado produzido pela cantora Selena Gomez retrata através da história de Hanna Baker (Katherine Langford) assuntos que deveriam ser mais debatidos. A história desenvolve os motivos que levaram Hannah Baker a cometer suicídio, e nisso ela grava 13 fitas explicando em cada uma o nome da pessoa que fez a cometer tal ato. 


Diferente do livro que contém apenas a narração dos protagonistas: Clay Jensen (Dylan Minnette) e Hannah, a série mostra também o tempo presente em que Jensen reage aos relatos dela e como as outras pessoas estão lidando com sua morte ou seus motivos. Assim, há um destaque maior para a história dos outros personagens como os pais de Baker, Alex, o relacionamento de Jessica e Justin. Embora seja uma série americana é possível associar com acontecimentos em outros países, essa é uma das primeiras produções audiovisuais que apresenta temas como o bullying, machismo, assédio, estupro, suicídio, vícios. O que estimula uma conversa de pais e filhos e ensina o valor da vida e como reconhecer os sinais de uma pessoa que está em depressão e tendências suicidas. Algumas curiosidades relacionadas à série: Os atores Brandon Flynn (Justin Foley no seriado) e Miles Heizer (Alex Standall em 13RW) são um casal na vida real, além disso temos como parte do elenco recorrente o ator brasiliense Henry Zaga, que fez o Josh em TW na 5ª temporada, interpretando Brad (namorado do Tony).


Caso gostem da trilha sonora assim como eu, ela está completa nesse link aqui


Título: 13 Reasons Why

Gênero: Drama
Criador: Mark Hudis (produtor executivo de True Blood)
Diretor: Tom McCarthy (diretor de Spotlight: segredos revelados)
Produtor Executivo: Tom McCarthy e Selena Gomez
Distribuição: Netflix
Elenco: Katherine Langford, Dylan Minnette, Christian Navarro, Alisha Boe, Brandon Flynn, Justin Prentice, Miles Heizer, Ross Butler, Devin Druid, Amy Hargreaves, Derek Luke e Kate Walsh.
Avaliação: ★★★★★

Um comentário:

  1. Impossível não se sentir tocado pela série, não importa a idade, acho que nos dias de hoje esses problemas acabam se estendendo por todas as idades, o cyberbullying é real, e as pessoas acham que são livres de culpa na internet por poderem esconder quem realmente são. Amei a resenha Ju! Arrasou demais!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.